Salada de Bifum – Uma opção refrescante no calor!

Salada de Bifum pronta para consumir

A temperatura está subindo e a gente começa a buscar opções de pratos mais frescos. Então, que tal uma Salada de Bifum? Já adianto que é super simples e prática! Bora aprender a fazer?

Para quem curte comer uma comidinha leve à noite, não precisa ficar restrita só a sopas e salada verde. A Salada de Bifum é refrescante, tem a opção de ser um prato único e de baixa caloria.

Mas, afinal, o que seria bifum?

O bifum é um macarrão feito à base de arroz, sem glúten, e muito usado em preparações japonesas. É um ingrediente super fácil de trabalhar e muito levinho!*

Como toda receita que passa por aqui, a Salada de Bifum não tem mistério algum. Mega fácil de fazer, refrescante e sem ingredientes mirabolantes! Esse macarrão pode ser encontrado em supermercados ou casa de produtos naturais.

Ingredientes

Salada de Bifum ingredientes

1 pacote de macarrão bifum
½ pimentão vermelho (ou verde) picado miúdo
1 cenoura picada
2 pepinos tipo japonês sem sementes picadinhos
Omelete com 4 ovos picados (ou ovos mexidos)
1 pacote de kani-kama picado
150 g de presunto picado
150 g de azeitonas verdes picadas
3 tomates sem sementes picados
Vinagre à gosto
Azeite à gosto
Sal à gosto

Rendimento: 10 porções

Modo de fazer
  1. Comecei a receita picando todos os ingredientes bem miúdos. Aproveitei e já preparei os ovos.
  2. Depois de tudo picadinho foi a vez de cozinhar o macarrão. Como ele é muito fininho, não dá para deixar cozinhando pois ele será misturado aos demais ingredientes e poderá se desfazer. Por isso, fervi um litro de água numa panela, apaguei o fogo e coloquei o macarrão de arroz. Esperei um minuto e escorri a água.
  3. Enquanto o macarrão esfriava, misturei os ingredientes, começando pelo pepino e o tomate.
  4. Depois acrescentei pimentão e cenoura.
  5. Por último os ovos, as azeitonas e o presunto. Misturei tudo.
  6. Para concluir, coloquei o bifum e temperei com vinagre, azeite e sal.
  7. Coloquei a salada na geladeira até a hora de servir para ficar mais refrescante.

Salada de Bifum modo de fazer

Salada de Bifum apresentação

Algumas dicas
  • Ao invés de fazer omelete, optei pelos ovos mexidos. Achei mais rápido e com o mesmo resultado.
  • Não achei pimentão vermelho então optei por usar o verde, que já estava picado e congelado. O vermelho é o mais indicado para comer cru pois tem o sabor suave (levemente adocicado) e de melhor digestão para algumas pessoas. Mas, quem não tem cão, caça com gato, não é mesmo?
  • A receita da salada usa a cenoura picada mas optei por ralar (na parte mais fina do ralador) pois todos os demais ingredientes foram picados, só por isso.
  • Aqui em casa não somos fãs de kani-kama (um bastão feito com carne de peixe e sabor imitação de carne de caranguejo, típico do Japão) e por isso optei por não colocar. Talvez faça diferença para quem goste mas, digo que o sabor ficou perfeito sem ele.
  • Tempere somente o que vai consumir. Guardar a mistura temperada pode alterar o sabor e acelerar o processo de fermentação dos ingredientes.

Aproveitem o final de semana para deixar a Salada de Bifum pronta na geladeira e ganhar tempo para fazer outras coisas. Que tal?

Beijo e até a próxima!

* Fonte: Presunto Vegetariano

Leave a Reply